Cunha realiza 2º Festival de Arte Vale do Paraíba com homenagem a Elpídio dos Santos

Renato Teixeira é um dos artistas confirmados para o evento que reunirá várias atividades em um único dia


Renato Teixeira se apresentará com Coletivo Taubateano Renato Teixeira se apresentar com Coletivo Taubateano (Foto : Divulgação)

A Estância Turística de Cunha vai abrir o 2º Festival de Arte Vale do Paraíba, com uma homenagem a Elpídio dos Santos. O evento será no dia 24 de março, com uma extensa programação, todas gratuitas.

O evento é uma homenagem ao maestro e compositor Elpídio dos Santos, referência da cultura popular brasileira. Nascido em São Luis do Paraitinga, no Vale do Paraíba, o artista é autor de um vasto acervo musical com inúmeros sucessos interpretados por grandes artistas, e ficou conhecido como o principal compositor das trilhas sonoras dos filmes de Amácio Mazzaropi. Porém, sua atuação é muito mais abrangente, foi um grande agitador cultural e compôs músicas que valorizam o campo e o interior, como Casinha Branca e Lá no Pé da Serra.

"O Vale vai respirar arte, serão mais de 50 artistas, quatro dias de apresentações, mais de 40 horas de atividades, com ações culturais e artes variadas, contribuindo para a preservação da cultura local, formando novos públicos para a música brasileira e, principalmente, disseminando a obra do grande artista Elpídio dos Santos", explica Ivete Nenflidio,  diretora de produção da In Totum, organizadora do Festival.

A segunda edição do Festival conta novamente com a participação de Renato Teixeira, outro artista do Vale. Sua proximidade e admiração pela obra de Elpídio, além de inúmeras gravações, rendeu uma faixa especial no CD “30 anos de Romaria“, quando homenageou Elpídio com a gravação da canção "Casinha Branca".

Além do show de Renato Teixeira que subirá ao palco com o Coletivo Música Taubateana, a programação do Festival reunirá também shows, oficinas, apresentações de danças e de outras atividades culturais. O público da cidade e os turistas poderão conferir as danças folclóricas dos grupos Jongo Crioulo Taubaté e Maracatu Baque do Vale; participar das oficinas de construção de cabeças gigantes em papel machê, ministrada por Benito Campos, e de construção de instrumentos musicais com materiais recicláveis, conduzida por Flavio Itajubá; ouvir a contação de causos do folclore regional de Moreno Overá; e assistir ao do Grupo Paranga com Chico Teixeira.

O festival é uma realização do Governo do Estado de São Paulo, Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo e ProAC. A idealizadora do projeto é a In Totum Cultura Criativa, com produção artística do Carretel Arte e Música e a direção musical de Negão dos Santos, filho de Elpídio, e João Oliveira. A Secretaria de Turismo e Cultura de Cunha é apoiadora do evento.

Mais Informações sobre o Festival acesse: www.tributoaelpidiodossantos.com

Programação
24 de março - Praça da Matriz
9 horas – Oficina de cabeça gigante em papel machê
11 horas – Maracatu Baque do Vale
14h – Oficina de instrumentos musical com material reciclado
15h – Viola, causo e prosa com Moreno Overá
17h – Jongo Crioulo Taubaté
20h – Show do Grupo Paranga e Chico Teixeira
21h – Show de Renato Teixeira e Coletivo Musica Taubateana

anuncio

0 Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.