Brasil e EUA assinam acordo de desenvolvimento de projetos na área militar

Acordo vai abrir caminho para aperfeiçoar ou prover novas capacidades militares e facilitar a entrada de produtos brasileiros em outros 28 países da OTAN


O presidente Jair Bolsonaro (Sem partido) está Flórida, onde deverá ficar até terça-feira com sua comitiva. Neste domingo (8), Brasil e Estados Unidos firmaram um acordo na área militar para desenvolvimento de projetos futuros. A assinatura do acordo ocorreu durante a visita do presidente Jair Bolsonaro ao Comando Militar do Sul, responsável por coordenar as operações militares dos Estados Unidos no Caribe, Centro e América do Sul.

Segundo o Ministério da Defesa (MD), a assinatura do Acordo de Pesquisa, Desenvolvimento, Teste e Avaliação (RDT&E, sigla em inglês) vai abrir caminho para aperfeiçoar ou prover novas capacidades militares. Na avaliação dos integrantes da comitiva brasileira ministros Ernesto Araújo (Relações Exteriores), Fernando Azevedo e Silva (Defesa) e Augusto Heleno (Gabinete de Segurança Institucional), é um acordo que vai balizar os acordos posteriores entre os dois países.

Na prática, os dois governos visam o desenvolvimento de projetos e acordos binacionais e ainda permitirão às empresas brasileiras um acesso sem burocracia ao mercado norte-americano na área de defesa. Também vai facilitar a entrada de produtos brasileiros em outros 28 países da Organização do Tratado do Atlântico Norte (OTAN).

Vale lembrar que o Brasil não faz parte da OTAN, que é uma aliança militar intragovernamental. Por outro lado, em agosto de 2019, os Estados Unidos designaram o Brasil como aliado militar preferencial do país fora dessa aliança.

"O RDT&E é um passo inicial para que Brasil e EUA desenvolvam projetos conjuntos na área de Defesa. [...] Cada acordo de projeto que venha a ser desenvolvido pelas partes deverá ser executado em consona?ncia com os termos do RDT&E, assim como os respectivos leis e regulamentos nacionais de cada parte", afirmou em nota o Ministério da Defesa.

Com informações da Agência Brasil

anuncio