Prefeitura de Pindamonhangaba assina convênio de R$8 milhões Caixa para construção de novos terminais rodoviários

Serão dois terminais rodoviários que ficarão localizados em Moreira César e outro nas margens da Dutra, próximo a Funvic


Superintendente da Caixa, Cláudia Ramos, prefeito Isael Domingues, vice Ricardo Piorino e o vereador Magrão. (Foto: João Vitor Velasco/AgoraVale)Superintendente da Caixa, Cláudia Ramos, prefeito Isael Domingues, vice Ricardo Piorino e o vereador Magrão. (Foto: João Vitor Velasco/AgoraVale)

Nesta sexta-feira (7) a prefeitura de Pindamonhangaba assinou um convênio com a Caixa para realizar a construção de dois novos terminais rodoviários que beneficiarão a população que utiliza o transporte público. A solenidade aconteceu nesta manhã no auditório da prefeitura e contou com a presença de autoridades como o prefeito Isael Domingues, o vice Ricardo Piorino, a secretária de obras e planejamento, Marcela Franco, o vereador Carlos Eduardo de Moura, o subprefeito Nilson Luís de Paula, além de representantes da agência bancária.

Serão dois terminais rodoviários que ficarão localizados em Moreira César e outro nas margens da Dutra, próximo a Funvic.

O projeto de Moreira César compreende aproximadamente 1500m², com sete baias, linhas municipais e intermunicipais, com estrutura pré-montada, banheiros, lotérica, serviços e pontos de conveniência que servirão para fomentar o comércio local, trazendo ainda mais utilidade para o terminal. Sua localização privilegiada, ao lado do antigo Pronto Socorro, permitirá fácil acesso à UPA, ao Centro de Convivência do Idoso que será construído ao lado, futuramente também ao novo cemitério, e todo o centro comercial da região. A obra está orçada em torno de três milhões e seiscentos reais.

Já o novo terminal de Pindamonhangaba, que será instalado às margens da Dutra, seguirá os mesmos padrões arquitetônicos, mas com um projeto um pouco maior, com 14 baias e também linhas intermunicipais de longa distância, e um orçamento de quatro milhões e quinhentos. "Trata-se de um projeto arrojado, moderno e que só tende a contribuir com a cidade", disse a secretária de obras e planejamento, Marcela Franco.

Imagem ilustrativa do terminal rodoviário de Moreira César. (Foto: Divulgação)Imagem ilustrativa do terminal rodoviário de Moreira César. (Foto: Divulgação)

Foram emprestados até o momento às prefeituras do Vale do Paraíba, 23 milhões de reais em convênios com a Caixa. Dentre eles, oito milhões para o município de Pindamonhangaba. A superintendente da Caixa, Cláudia Ramos de Oliveira, em sua fala, afirmou que este é um ganho para a cidade e que só é possível com o esforço do prefeito e de sua equipe técnica. "A prefeitura para conseguir acesso a esse crédito, além da vontade, tem que ter também uma aprovação de crédito, e tendo todo esse trâmite, não são todas as prefeituras que conseguem", completou Cláudia.

O prefeito Isael Domingues reafirmou sobre a importância do novo terminal rodoviário em Moreira César, para que a população tenha mais oportunidades e independência para realizar suas atividades sem depender exclusivamente do centro da cidade, assim como o terminal que ficará em Pinda, e permitirá maior desenvolvimento de uma área do município ainda pouco explorada.

Isael aproveitou o encontro para pedir que a população acredite no trabalho da administração municipal e reforçou sua preocupação com a saúde financeira da cidade, reduzindo custos, e em construir projetos que beneficiem a cidade ao longo dos anos para as próximas gestões. "Nós estamos fazendo adequações da nossa farmácia, com o custo de quem aluga, sem colocar dinheiro público, estamos organizando as pessoas que dependem da prefeitura e querem continuar para que eles também deem um passo em favor. Também reduzimos todos os contratos e com isso nós conseguimos manter o dinheiro da prefeitura para novas ações. É uma forma de tornar o trabalho muito mais sustentável", completou o prefeito.

O espaço da atual rodoviária será estudado para abrir algum outro serviço público. 

A licitação para a obra de Moreira César deve ser concluída em julho e as obras iniciadas em até três meses após o processo. A previsão é de 11 a 12 meses para a conclusão das obras.

Veja a transmissão ao vivo: