Prefeito de Cruzeiro comemora recuperação da Santa Casa e acerto com servidores

O chefe do executivo argumenta que pegou oa Prefeitura com problemas envolvendo rescisões desde junho do ano passado


Thales GabrielThales Gabriel

Os 100 primeiros dias de trabalho do prefeito Thales Gabriel Fonseca (SD), de Cruzeiro, é comemorado pela nova gestão como um período que já apresenta resultados positivos para a cidade. Os 80 mil habitantes do município viveram os últimos anos em meio à turbulência política, com entra-e-sai de governantes, e agora experimenta uma certa estabilidade.

De acordo com Thales, o maior problema da maioria das cidades, e em Cruzeiro de forma muito acentuada é a questão do endividamento. “Nós encontramos a Prefeitura com uma dívida de mais de 200 milhões de reais e isso sem dúvida nenhuma compromete em muito o trabalho de qualquer gestor.”

Segundo o prefeito, o começo foi de priorizações “Encontramos a Prefeitura com atraso nos salários dos servidores públicos municipais e utilizamos os meses de janeiro e fevereiro para reequilibrar. Hoje o servidor está com o pagamento em dia, está com o vale alimentação em dia, com todos os consignados vinculados ao subsídio, todos em dia, ou seja, hoje o servidor tem uma qualidade de vida e sabe quando vai receber.”

O chefe do executivo argumenta que pegou a Prefeitura com problemas envolvendo rescisões desde junho do ano passado e que ficaram para ser resolvidos nesta nova gestão. Além disso, segundo ele, a municipalidade enfrentava a questão da inadimplência com os fornecedores. Thales lembra que são serviços essenciais de fornecimento, alguns já sendo paralisados e hoje, boa parte solucionados.

Outra questão importante na visão do prefeito cruzeirense é a da Santa Casa do município que neste ano está retomado a prestação de serviços. “É uma demanda que envolve não só Cruzeiro mas todo o Vale Histórico. São nove cidades que se utilizam do serviço. Nós já estamos com a equipe completa e hospital já funcionando.”.

Thales Gabriel concluiu dizendo que espera do governo do Estado uma visão estendida para o problema da saúde no Vale Histórico. 


0 Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.