Ex-vereador, professor e advogado Eduardo Carlos Pinto morre aos 72 anos

Eduardo foi membro do legislativo de Taubaté


O ex-vereador de Taubaté Eduardo Carlos Pinto morreu na manhã desta terça-feira, 3, aos 72 anos. Ele era professor, advogado e foi chefe do Departamento de Ciências Sociais e Letras da Unitau (Universidade de Taubaté) até a aposentadoria.

Eduardo Carlos nasceu em 21 de janeiro de 1947 na cidade de Cachoeira Paulista (SP), filho de Antônio Carlos Pinto e Neusa Galvão Pinto. Era casado com Christiane Gracie e pai de quatro filhos: Carlos Eduardo, Carlos Henrique, Carlos Felipe e Ana Luísa.

Em 1988, ele foi eleito vereador pelo PT para a 10ª Legislatura (1989 a 1992), durante a qual foi constituinte na Lei Orgânica Municipal, de 3 de abril de 1990. Entre as leis de sua autoria, destacam-se as que asseguram gratuidade de transporte público municipal às pessoas com deficiência e aos maiores de 65 anos.

Eduardo sofreu uma parada cardiorrespiratória. A morte ocorreu em São José dos Campos, mas o corpo será velado na Câmara de Taubaté a partir das 16h e, depois, será cremado.

anuncio