Câmara de Pindamonhangaba faz devolução de R$ 4 milhões ao município

Valor devolvido é referente a economia do Duodécimo durante o primeiro semestre de 2019


Uma economia gerada pela Câmara Municipal de Pindamonhangaba viabilizou a devolução de R$ 4.000.000,00 para o Prefeito Dr. Isael Domingues. A entrega aconteceu durante encontro do prefeito com os vereadores o presidente do Legislativo, Felipe César, os parlamentares membros da Diretoria, Carlos Moura - Magrão (PR), Janio Ardito Lerario (PSDB) e Gislene Cardoso - Gi (DEM) e ainda vice-prefeito Ricardo Piorino.

De acordo com Felipe César, a economia do Legislativo é fruto de ações simples e objetivas com o apoio dos vereadores, assessores e dos funcionários da Casa. A entrega do cheque  referente a economia do Duodécimo durante o primeiro semestre de 2019.

O presidente do Legislativo destacou que o valor que retornou aos cofres do município (4 milhões) é fruto de um trabalho conjunto que envolveu todos os vereadores, assessores e funcionários da Câmara na busca constante da economia, da austeridade e, principalmente, na transparência dos atos e das atividades do Legislativo.

"O resultado positivo da economia de recursos públicos é fruto de uma Administração austera e transparente que promovemos em nossa Casa Legislativa, pois nossa prioridade é a eficiência das ações e atividades dos nossos servidores, sendo que para isso contamos com a colaboração e participação de todos os vereadores", salientou o presidente da Câmara.

Para o montante ser devolvido, a Câmara também realizou a anulação parcial de algumas dotações orçamentárias de seu Orçamento 2019. Na Audiência, os vereadores da Mesa Diretora sugeriram ao Prefeito Dr. Isael que parte desses recursos financeiros devolvidos seja utilizado na melhoria da iluminação pública da cidade, ampliando a segurança e o conforto dos moradores de Pindamonhangaba.

Marca do vereador e presidente da Casa pela quarta vez, a elaboração de ações administrativas e gerenciais sob a gestão do vereador Felipe César conseguiu promover uma redução de seus custos operacionais e financeiros em 2019.

Segundo o vereador Felipe César, ações simples como racionalização de horas extras, redução dos gastos com telefone, água, energia elétrica e materiais de escritório; controle rígido do uso dos carros oficiais e, sobretudo, a manutenção preventiva da sede do Legislativo possibilitaram essa importante economia que deverá reverter em obras para a comunidade e benefícios aos nossos munícipes.

728x90