Vale do Paraíba é considerada região mais violenta do estado, com um delito a cada cinco minutos

Dados oficiais apontam mais de 43 mil delitos registrados no Vale do Paraíba durante os primeiros seis meses do ano. Região é considerada a mais violenta do estado de S. Paulo


Região mais violenta de São Paulo, o Vale do Paraíba registra em média um delito a cada 5 minutos, de acordo com dados oficiais da Secretaria de Segurança Pública do Estado.

Durante o primeiro semestre deste ano, os 39 municípios do Vale do Paraíba acumularam 43.549 delitos - uma média de 240,6 a cada 24 horas.

Entre os meses de janeiro e junho, foram 5.785 delitos classificados - pelo próprio Estado - como 'graves' (são casos de homicídios, latrocínios, estupros, assaltos e ainda extorsão mediante sequestro) nas cidades da região.

Na média, o Vale registra um crime grave a cada 10 minutos - são mais de 140 por dia.

Do total de delitos, a maioria (52,93%) é de crimes contra o patrimônio (23.054 casos). Os crimes contra as pessoas representam 33,30% (14.506), ligados a entorpecentes são 3,59% (1.567), contra a dignidade sexual representa 1,05% (461).

Números

O Vale do Paraíba, durante o primeiro semestre, teve aumento de 6,13% nos homicídios (foi de 163 para 173 vítimas, na comparação entre 2017 e 2018). Em São Paulo, houve a diminuição de 11,6% nos homicídios.

A região possui 13,86 vítimas por 100 mil habitantes - disparada a mais alta em todo o território paulista.

Comando da Polícia Militar diz que meta é baixar índices criminais em todo o Vale

Em nota, a cúpula da PM diz que aposta em uma ação técnica. "A redução de indicadores criminais é um objetivo que depende de vários atores, sendo a Polícia Militar um deles. Na região metropolitana do Vale do Paraíba trabalhamos com forte subsídio da inteligência para o planejamento operacional, bem como o desencadeamento de operações Policiais todas voltadas para as área Pareto com distribuição nos horários e dias de maior incidência criminal. Há operação conjunta com Guarda para intervenção em locais onde ocorrem 'Fluxo'; Contamos ainda com apoio operacional de unidades especializadas tais como, GRPAe, Choque, Trânsito, DETRAN e do 3º BAEP".


0 Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.