São José dos Campos sedia audiência pública sobre orçamento estratégico

Audiência Pública na região destaca importância de um orçamento estratégico para o desenvolvimento contínuo




O Crescimento deve ser planejado de acordo com as características e potenciais econômicos regionais para melhores resultados. Essa foi a questão defendida em audiência pública promovida pelo Governo do Estado na tarde de hoje (17), em São José dos Campos.

Para debater sobre a Lei Orçamentaria Anual (LOA) 2018, o evento contou com as sugestões apresentadas por Maurício Hoffmann, economista e assessor técnico da Secretaria de Planejamento e Gestão do Estado de São Paulo. Para Maurício Hoffmann, a economia paulista terá uma retomada modesta até o final da década. Por isso, é importante que cada região consiga identificar o quanto pode crescer, a fim de que seja possível desenvolver um planejamento estratégico e mais adequado ao orçamento.

Os participantes tiveram a oportunidade de identificar os programas mais adequados a cada região e que estejam alinhados com ações e políticas de desenvolvimento regional do Estado. O encontro teve justamente essa meta: deixar o cidadão mais próximo das diretrizes governamentais e possibilitando o desenvolvimento regional de maneira saudável, de acordo com as potencialidades locais.

Segundo os organizadores, as solicitações feitas pelos participantes farão parte do planejamento do Governo do Estado, levando-se em conta, sempre que possível, as prioridades levantadas pela região.

“São Paulo tem uma economia muito diversificada e características que nos oferecem melhores condições de superarmos a crise, de maneira estratégica e planejada", comentou Hoffmann, que está coordenando esta série de audiências públicas em 18 regiões do Estado.

Podem participar das audiências os cidadãos e representantes de órgãos públicos e da sociedade civil que poderão sugerir projetos que promovam o desenvolvimento social e econômico sustentável de sua região ou do Estado como um todo.


0 Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.