Encontro inter-religioso acontece no Seminário Franciscano Frei Galvão nesta sexta (8)

Com participação gratuita, o evento será aberto ao público em geral. 


A cidade de Guaratinguetá receberá nesta sexta-feira (08/11) autoridades religiosas para um encontro inter-religioso. Os franciscanos estão celebrando neste ano os 800 anos do encontro de São Francisco de Assis com o sultão do Egito, Al-Malik Al-Kamel. Sendo assim, a iniciativa de relembrar esse encontro tem como objetivo a promoção comum da paz. O evento será realizado no Seminário Franciscano Frei Galvão, das 8h às 13h. 

Com o tema "A sacralidade do encontro", o evento contará com a participação de representantes do Cristianismo (frei Vitório Mazzuco, ofm), do Islamismo (Sheik Muçulmano, Rodrigo Jalluol), do Hare Krishna (Hadday), da Umbanda (Mãe Renata) e do Espiritismo (Marco Aurélio A. Monteiro), para um diálogo sobre a promoção da paz e do bem nas diferentes práticas religiosas. 

O pilar deste momento celebrativo é o histórico encontro entre São Francisco de Assis e o sultão, no ano de 1219, em Damieta, ao norte do Cairo. Diante das perguntas do chefe sarraceno, "o servo de Deus Francisco, respondeu com o coração intrépido que não tinha sido enviado pelos homens, mas por Deus Altíssimo, para mostrar a ele e ao seu povo o caminho da salvação e anunciar o Evangelho da verdade. E o Sultão, ao ver o admirável fervor de espírito e a virtude do homem de Deus, o escutou de boa vontade". (São Boaventura, Lenda Maior, 7-8) 

Durante o encontro inter-religioso realizado no Pontifício Instituto "Norte-Dame", no ano de 2000, o Papa João Paulo II ressaltou que "A Igreja católica deseja prosseguir um diálogo inter-religioso sincero e fecundo. Este diálogo não é uma tentativa de impor aos outros a nossa visão. Ele exige que todos nós, fiéis àquilo em que cremos, escutemos o outro com respeito, procuremos discernir quanto há de bom e de santo em cada uma das outras doutrinas, e cooperemos no apoio a tudo o que favorece a mútua compreensão e a paz". (Papa João Paulo II - 2000) 

Na inauguração do seu Pontificado, o Papa Bento XVI reafirmou esse sinal da superação de barreiras entre religiões e culturas. "A Igreja deseja continuar a construir pontes de amizade com os seguidores de todas as religiões, com a finalidade de buscar o bem autêntico de todas as pessoas e da sociedade no seu conjunto". (Papa Bento XVI - 2005) 

Em 2018, no encontro inter-religioso que aconteceu em Abu Dhabi, Emirados Árabes Unidos, o Papa Francisco reiterou que "Paz e justiça são inseparáveis! Diz o profeta Isaías: «A paz será obra da justiça» (32, 17). A paz morre, quando se divorcia da justiça, mas a justiça revela-se falsa se não for universal. Uma justiça circunscrita apenas aos familiares, aos compatriotas, aos crentes da mesma fé é uma justiça claudicante... uma injustiça disfarçada"! (Papa Francisco - 2018) 

Promovido pelo Projeto Semeando o Bem, Grupo de Espiritualidade Franciscano (GEF) e Seminário Franciscano Frei Galvão, o encontro terá início na praça do Seminário, localizado na Avenida Integração, 151 - São Bento, Guaratinguetá/SP, com um momento oracional. Em seguida, no auditório do Seminário, cada representante religioso terá um espaço de fala em que responderá a seguinte questão: "Como promover a Paz e o Bem na sua prática religiosa?". 

Com participação gratuita, o evento será aberto ao público em geral. 

anuncio