Comunidade religiosa Caçapava está em preparativos para a celebração de Corpus Christi

Evento na cidade é conhecido pelos enfeites de rua durante a procissão


Caçapava é famosa por sua procissão de Corpus Christi, e a beleza da decoração de rua é um dos principais destaques do evento. A estimativa é que cerca de 2 mil pessoas devem ajudar a produzir o tradicional tapete de areias coloridas, por onde passará no próximo dia 20 a procissão do Corpus Christi.

A celebração é organizada pela forania Nossa Senhora D'Ajuda, que engloba o conjunto das paróquias do município, em parceria com a Prefeitura. Além dos fiéis que acompanham a procissão, o município recebe centenas de turistas que percorrem as ruas para ver a decoração dos tapetes, aproveitando para comer algum doce ou salgado vendido pelos ambulantes que montam suas barracas ao longo do trajeto.

A tradição já tem 56 anos. Teve início em 1963, quando as famílias que residiam próximas às ruas por onde passava a procissão começaram a enfeitar a frente de suas casas e trechos das vias. Atualmente, o trabalho é realizado por voluntários de pastorais e grupos de jovens que se organizam para cobrir os quase 3 km de tapetes.

De acordo com a municipalidade, as ruas por onde passará a procissão serão interditadas a partir das 21h00 de quarta-feira, dia 19, até as 19h de quinta-feira, dia 20. Os motoristas são orientados a retirarem os carros das ruas durante esse período para que as equipes de voluntários possam trabalhar.

Os voluntários começam a trabalhar no início da noite e, às vezes, se estendem por toda a madrugada, elaborando os desenhos de temática religiosa. São cerca de 70 toneladas de areia e 94 quilos de corantes usados na confecção dos tapetes.

Itinerário da procissão - A procissão sairá às 17h, do Santuário de Santo Antônio de Pádua, na Vila Antônio Augusto, com destino ao Campo do Padre, na Vila Pantaleão. Passará pelas seguintes ruas: Santo Antônio, Avenida Dr. José de Moura Resende, Ladeira São José, Rua Marquês do Herval, 13 de Maio, Capitão Carlos de Moura, Tenente Mesquita, Sargento Geraldo Bertti e José Venâncio Nogueira.

anuncio