Cinco motivos para pequenas empresas investirem em um sistema ERP

Ferramentas otimizam processos, reduzem custos e aumentam a produtividade


Por muito tempo, os sistemas automatizados de controle de uma empresa eram restritos a grandes corporações. Hoje, há diversos softwares e planos disponíveis para pequenos e médios empresários, que podem utilizar os serviços para ter um maior gerenciamento sobre o negócio. Neste cenário, há vários motivos para se adquirir um ERP para e-commerce ou para empresas de pequeno porte de outras áreas de atuação. Confira cinco deles:

1. Centralização de processos

Uma pequena empresa costuma ter informações difusas espalhadas por diferentes planilhas. Esse fluxo pode atrapalhar as decisões de negócio e confundir os funcionários. Um sistema de ERP centraliza todas as tarefas e informações em um mesmo local, desde atividades realizadas pelos funcionários até estoque e fluxo de caixa. Isso fará com que a pequena ou média empresa tenha mais controle sobre os dados.

2. Evitar calamidade operacional

Com a desordem e falta de organização de processos, há grandes chances de haver um colapso operacional. Os números passam a ficar embaralhados, informações podem ser inseridas de forma incorreta em uma planilha e assim por diante. Com um ERP, os riscos disso acontecer são mínimos, o que pode até evitar que uma empresa vá à falência.

3. Eliminação de custos

O retrabalho gera custos, assim como os erros. Isso é evidente em negócios como o comércio eletrônico. Uma venda errada ou uma fraude pode prejudicar o caixa da empresa. Com esses sistemas, o empresário pode reduzir o custo de eventuais erros, além de poder utilizar os funcionários em áreas mais efetivas além do operacional. A mão-de-obra, portanto, pode se tornar mais qualificada.

4. Visão geral da empresa

Com o sistema integrado de gestão (ERP), os coordenadores possuem uma visão geral da empresa e de todos os processos, sem precisar conferir separadamente cada arquivo com informações inseridas pelos funcionários. Além disso, o ERP possibilita a exibição de diversos dados e informações em uma mesma tela, facilitando a tomada de decisão.

5. Processos automáticos

O ERP pode exibir relatórios atualizados e diários sobre propostas e o atual estado delas, além de verificação automática para saber se o orçamento foi ou não recebido e computado, se as vendas foram ou não concluídas e quais não tiveram sucesso. É uma grande base de dados que pode ser administrada de forma automática com poucos cliques.

anuncio