Povo taubateano comemora 371 anos de fundação da cidade

No dia 5 de dezembro de 1645, a povoação nova, de Taubaté, foi declarada Vila


TaubatéTaubaté (Foto : Arquivo Municipal)

Caminhar pelas ruas quatrocentonas de Taubaté é como um retorno aos tempos remotos do Vale do Paraíba. Os velhos casarões que ainda resistem à especulação imobiliária, às margens de ruas estreitas e calçadas mais ainda, indiscutivelmente transformam o centro histórico em uma aula de história.  Leia mais sobre Taubaté

Todas essas terras pertenciam à Condessa de Vimeiro, donatária da Capitania de Itanháem. Tinha ela a necessidade de proteger sua propriedade. Logo, deu-se a chegada do brancos colonizadores a partir distante ano de 1639, chefiados pelo bandeirante Jacques Félix - que já tinha propriedade na região desde 1636. De acordo com antigos documentos, o desbravador tinha propriedades em uma área entre Pindamonhangaba e Tremembé, duas paragens já conhecidas antes do rocio para a construção de Taubaté.

Em luta contra as tribos catu-auá, Jacques Félix já habitava a região antes de 1632, quando obteve direitos sobre o local. No entanto, para sobreviver, o bandeirante teria se aliado aos índios teremembé e expulsar os catu-auá para além da Serra da Mantiqueira, local denominado sertão do Pium-i (atual Piumhi) em Minas Gerais.

Em 22 de novembro de 1628, o governador da Capitania de Itanhaém, capitão mor João de Moura Fogaça, concedeu à Jacques Félix e seus filhos Domingos e Belchior, uma sesmaria de uma légua e meia de testada entre as regiões de Pindamonhangaba e Tremembé, conhecida na época como “tapera do gentio”.

De acordo com o documento “Semarias” publicado em 1921 pelo Arquivo do Estado de São Paulo, foi declarada em 1639  "da banda da povoação nova" (de Taubaté).

Em suma, transformar o sertão de Taubaté em um povoado oficial, organizado com suas ruas em forma de tabuleiro, assim como edificar a primeira igreja (em louvor à São Francisco das Chagas), construir ao casa de fundição de ouro e instalar clero foi uma luta árdua.

No dia 5 de dezembro de 1645, Taubaté, a povoação nova,  foi declarada Vila por provisão do capitão mor e Ouvidor Antonio Barbosa de Aguiar , governador da Capitania de Itanhaém.

 


0 Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.