Qual a marca de Deus em nós?


O homem de Deus deve ser aquele que busca a justiça em suas atitudes, busca a piedade, a fé, a caridade e a paciência. Como seria bom trazer em nós os traços de Deus, pois somos suas criaturas.

Cultivar em nós essa certeza é alimentar-se, todos os dias, da Palavra de Deus, que nos preenche e nos abastece, como Pedro ao se dirigir a Cristo: “Senhor, a quem iremos, só tu tens palavras de vida eterna” (Jo 6, 68).

Não podemos nos sentir fatigados, é preciso combater essa batalha, buscando a vida eterna a que somos chamados. Como seria bom se passássemos mais a admirar e sentir, que viver analisando.

“Eu agi sempre, agi sempre para dentro. Eu nunca toquei na vida. Nunca soube como se amava, apenas soube como se sonhava amar” (Fernando Pessoa). Traduzindo nas mãos e na voz a ternura e o amor de Deus, seremos capazes de tocar os corações, como fez Jesus.

Não deixemos que as pessoas se retirem da nossa presença magoadas ou entristecidas com nossas atitudes. Tenhamos coragem de refinar nosso modo de conviver. Nem sempre teremos as coisas da forma que pensamos ou queremos. É bom aprender a viver com o diferente e reconhecer que nas possibilidades, pode sempre existir algo que nos surpreende.

Tenha o seu melhor espetáculo! Seja você a fazer da sua vida, o palco da sua real apresentação! Viva o presente, sonhando o futuro e aprendendo sempre com o passado, mas o tempo real é o agora!

anuncio