Troféu "Casca de Banana" para Bananal!


"Se os bêbados estivessem no poder teríamos tudo em dobro."

 
Troféu Casca de BananaTrofu Casca de Banana Bananal se embananou 
O programa CQC da TV Band enviou o irreverente repórter Oscar Filho para Bananal, no Vale Histórico, onde havia uma denúncia de fraude na licitação do transporte público. Claro, que a prefeita Mirian Bruno virou um "cisco".
Enquanto uma licitação é feita para que a prestadora de serviço com menor preço seja a vencedora, em Bananal venceu a que tinha o maior preço: R$ 4,25 por quilômetro rodado. A cotação foi feita por duas empresas que - olha a doce coincidência - tinham o mesmo endereço: Rua Benedito Marcondes de Moura Sobrinho, nº 112, Vila São Roque.

Isso dá marchinha!
Mais cínico é o secretário Jair Andrade, tentando negar a todo custo o superfaturamento. 
Não, gente! É muita cara de pau diante de um povo pobre, em uma localidade que hoje não tem receita, vive de reminiscências e restos da opulência da era do café. 
Troféu Casca de Banana para Bananal. Aliás, isso dá uma bela marchinha de carnaval para disputar em São Luiz do Paraitinga! 

Não curti essa!
Tudo indica que o Facebook se fez de isca durante o tempo todo e agora quer receber por isso! Surgiu como rede social, cresceu, e como não poderia deixar de ser, as pessoas aproveitaram esse ferramenta de interação e começaram a fazer negócio. Até eu que sou mais bobo.
Agora, todos reclamam que suas postagens tiveram visualização acentuadamente reduzida. Quer "likes" em sua página? Então deposita o "money"!!!

Ana Karin e as CEIs
Em Cruzeiro, a política é igual curva de rio. A prefeita Ana Karin agiu na Justiça e conseguiu uma liminar que impede a Câmara do município de votar duas comissões processantes contra ela. A decisão impediu a votação que estava agendada para a sessão do último dia 3.
Os advogados da prefeita argumentaram que as comissões processantes anteriores não obedeciam o decreto-lei 201/67, que determina a impossibilidade do denunciante participar da votação, e de que a comissão tem que ser composta por sorteio.
Como diria um falecido vereador da cidade: "Vocês estão querendo 'DEGREDIR' a minha imagem?"

Câmara contra-ataca
No contra-ataque, o Legislativo aprovou novas comissões processantes, agora cumprindo o decreto-lei 201/67, só que, isso não rola antes do fim de 2013. O sorteio das novas comissões ficou assim:
Comissão Processante dos Toldos: Investiga supostas irregularidades praticadas pela prefeita na compra de toldos.
Charles Fernandes (Presidente), Diego Miranda (Relator) e Toninho Bactéria (Membro).
Comissão Processante dos Requerimentos de Informação: Investiga a prefeita por não prestar informações solicitadas pela Câmara no prazo de até 15 dias
Diego Miranda (Presidente), Mário Notharangeli (Relator) e Toninho Bactéria (Membro)

Por onde anda?
Ninguém é unanimidade, às vezes nem mesmo na própria família. Voltei um pouquinho no tempo e me lembrei que estive na cerimônia de posse do prefeito de Tremembé, Marcelo Vaqueli (PSB). Tudo estava muito bem, vereadores diplomados recebiam aplausos e só se via sorrisos no prédio da Câmara.
Até que chamaram o atual prefeito para a posse! Ressoou um sonoro palavrão na porta de entrada e virou um corre-corre, com seguranças para retirar o sujeito bravo. Qual não foi a nossa surpresa ao descobrir que ofensor era Ademar Vaqueli, irmão do ofendido. 
Quase a vaca foi pro brejo!

A saída do Aeroclube I
O Aeroclube de Pindamonhangaba é um patrimônio da cidade, tem mais de 70 anos, e cumpre fielmente seu compromisso como entidade.
Há tempos que a equipe de diretores do Aeroclube espera mais empenho do poder público para melhorar as condições do aeródromo local. O presidente Osmar de Almeida Pacca nunca escondeu de ninguém o sonho de pavimentar a pista de pouso, quem sabe assim até permitir pequenos voos regionais. 

A saída do Aeroclube II

Pista do Aeroclube de PindaPista do Aeroclube de Pinda  
Só que, bem na reta da cabeceira da pista foi instalada há bem pouco tempo uma torre de transmissão de energia elétrica, da rede que abastece a região e as grandes empresas. Quem explica isso agora? Dessa maneira, ficaram comprometidas as atividades de pouso e decolagem. 
Falando mais dessa rede de transmissão, muito próximo dali se instala a siderúrgica GV do Brasil que vai precisar dessa energia também quando entrar em operação. Quem vai resolver esse impasse? De qualquer forma, vai envolver o governo federal, porque a ANAC (Agência Nacional de Aviação Civil) é quem define as coordenadas, espaço aéreo e infraestrutura para funcionamento dos grandes e pequenos aeroportos!

A saída do Aeroclube III
No dia 25 de outubro, a diretoria do Aeroclube recebeu da Prefeitura um cópia de Ofício do Ministério Público informando que existem estudos técnicos para a preservação da rede de transmissão e que o aeródromo seja retirado dali, ou seja, pista de pouso, hangares, equipamentos, etc. Mas o prefeito ainda não ofereceu uma contraproposta.
A diretoria do Aeroclube alega desconhecer quaisquer estudos de viabilidade técnica no local, e já buscou apoio da  ANAC, que é o único órgão que pode fechar o aeródromo, ou remanejá-lo. 
Vamos ver no que vai dar, porque jogo é jogado e lambari é pescado.

Bala na agulha
A construção de um shopping center passa por muitas demandas, dentre eles, estudo do mercado a ser explorado, viabilidade e potencial econômico, áreas de acesso, isso sem contar o estudo de impacto ambiental e outras licenças.
Em Pinda, de dois empreendimentos anunciados, vingou o que tinha "bala na agulha". Apesar dos cornetas de plantão, o Shopping Pátio Pinda é uma realidade e vai recebendo um público cada vez maior! 
Tem peão que quer mesmo é ordenhar o touro! Coisa de louco!

Via Vale Garde...nal
A vizinha Taubaté, que já tem o seu Taubaté Shopping há mais de duas décadas, recebeu no fim do ano passado mais um centro de compras, o Via Vale Garden Shopping. Só que, o clima lá não anda nada bem! O único acesso ao local é pelo túnel da fábrica Urmet Daruma! Comerciantes arrependidos cobram na Justiça um ressarcimento pelos prejuízos causados. Os lojistas abriram as portas confiando nas promessas da administradora Tenco, que prometia fácil acesso, e várias lojas âncoras (que não vieram). 
Então tá!..."Com a mentira se consegue o almoço, mas não o jantar.", diz um ditado árabe.

Cal x Érick
A Câmara de Pindamonhangaba tem um novo confronto e envolve vereadores de Moreira César. Deu bico no vereador José Carlos Gomes "Cal" porque o vereador novato Professor Érick anda aparecendo nos mesmos eventos que ele. Por estar há mais tempo no "pedaço", Cal não quer que "entre areia" no seu reduto político. 
Do jeito que está a disputa, se o vereador Érick começar a aparecer nos enterros, acho que vamos ver o milho todo virando piruá! hehehe

Piorino x Martin
O presidente da Câmara de Pinda, vereador Ricardo Piorino (PDT) não gostou nadinha de ver seu nome citado pelo companheiro de Legislativo, Martim César (DEM). Acuado durante a oitiva que apurou irregularidades no uso do carro oficial da Câmara, Martim "entregou" a cabeça do presidente da Câmara em uma bandeja. Disse que Piorino o autorizou a usar o carro oficial para buscar a filha, que mora em Campinas. O presidente respondeu que Martim declarou inverdades em seu depoimento!
Martim também disse que ressarciu os cofres públicos e que outro vereador também fará isso! Agora, a comissão processante estuda a cassação do vereador do DEM!
Como se diz entre os gaúchos: Em porteira que passa um boi, passa uma boiada!

Vitão x Piorino
Outro derby sensacional ocorre quando estão frente a frente o prefeito Vito Ardito e o presidente da Câmara, Ricardo Piorino, que usa o famoso "morde e assopra". Primeiro, Ricardo tira das costas do prefeito a responsabilidade dos problemas da Saúde, Segurança, Esporte, e joga tudo nas costas de João Ribeiro (que já esta deixando saudade). Mas em seguida fala que prefeito tem que ter pulso... Uma indireta direta para Vitão.
E o prefeito responde com seu jeito peculiar: "Graças a Deus já mandamos três secretários embora! Não deram conta do recado..." hehehe... Não tem como não admirar o homem!

Cooperativa x Credores
Nós observamos que há muita expectativa positiva com relação à Cocepelco, cooperativa criada por um grupo de ex-funcionários da massa falida Nobrecel. Temos preocupação com os muitos pais de família que se encontram em situação difícil.
Mas, um jurista de São Paulo, amigo de longa data e que está a par disso tudo, atua do lado dos credores e deixa claro a sua desconfiança: "Está parecendo um 'pulo do gato'. Uma cooperativa não precisa pagar credores, e no meio deles estão muitos funcionários bravos. Posso até ver que tem gente atrás das cortinas, rindo muito, porque só mudaram a razão social e a cooperativa pode até atuar como fachada. Logo, iniciam as operações do zero, sem dívidas. Depois, compram a fábrica de volta, bem baratinho, além de conseguirem mais verbas do BNDES, como já fizeram antes."

Escorrega meu povo!
O episódio do CQC em Bananal me fez lembrar a anedota do jovem padre que é transferido para uma pequena cidade. No local, onde quase todas as mulheres eram adúlteras, o antigo padre havia combinado uma senha na confissão pra que elas falassem que "escorregaram" em vez de dizer que haviam traído os seus maridos. 
A mulherada foi conhecer o padre novo e a grande maioria dizia ter escorregado na calçada. Bravo, o jovem foi à Prefeitura e cobrou o prefeito, dizendo pra ele consertar as calçadas da cidade, porque as coitadas das mulheres vivem escorregando. O prefeito conhecia a senha do antigo padre e caiu na gargalhada. Mas daí, o padre novo emendou: "Ah, está rindo, é? Pois saiba que só nessa semana sua mulher escorregou todos os dias!"...hehe
728x90