Nepotismo de volta


"O computador foi inventado para resolver os problemas que antes não tínhamos"
Anônimo

Praias loteadas
Quem vai pegar uma praia em São Sebastião pode ter uma desagradável surpresa. Com aval da Prefeitura, pousadas, hotéis, condomínios e barracas da cidade lotearam as praias, o que é irregular.
Os malacos espalham cadeiras e guardas-sóis pela areia e cobram até R$ 30,00 em consumação nas barracas. Absurdo, né gente?
Chamado pelo povo de 'kit-praia', o esqueminha acontece principalmente nas prais de Maresias, Camburi, entre outras.

Que palhaçada!
O Circo Stankowich chegou nesta quinta-feira (6) em Campos do Jordão, mas ninguém sabe e ninguém viu! Nossa redação entrou em contato com a comunicação da Prefeitura para obter as informações sobre a chegada do circo na cidade e horários de espetáculos. Do outro lado, a pessoa estancou (ou seria Stankow?): ?Nossa...é mesmo? Um circo? Que bom, né??
Como dizia o velho Chacrinha: ?Quem não se comunica, se estrumbica!?

* Agora é Lei: Zona Azul é responsável!
Prefeitos de todo o Brasil pensarão duas vezes, a partir de agora, quando forem licitar Zonas Azuis em suas cidades. Saiu a a nova Jurisprudência do Tribunal de Justiça-SP e de agora em diante, quem paga Zona Azul tem direito à total segurança do carro. 'Optando o Poder Público pela cobrança de remuneração de estacionamentos em vias públicas de uso comum do povo, tem o dever de vigiá-los, com responsabilidade pelos danos ali ocorridos'. 
Com isso, sobrou para os guardas municipais!

* Indenização por danos e furtos!
A decisão é da 1ª Câmara de Direito Civil do Tribunal de Justiça de São Paulo confirmando sentença da comarca de Itirapina.
Tudo isso resulta de uma condenação imposta à empresa que administra a Zona Azul de São Carlos, obrigada a pagar indenização no valor de R$ 18,5 mil ao motorista Irineu Camargo de Souza de Itirapina/SP, que teve o carro furtado quando ocupava uma das vagas do sistema de Zona Azul daquela cidade.

Nepotismo em Taubaté
Em Taubaté, no Palácio Bom Conselho (onde muitos deveriam ser bem aconselhados mas não o são),  o prefeito, Roberto Peixoto, liso igual quiabo, anunciou na terça-feira (4) a criação de novos cargos e os nomes de dez secretários municipais. Cada secretário vai receber salário de R$ 8,6 mil.
Peixoto alega que os cargos são para agilizar e modernizar os trabalhos da administração municipal, mas a notícia repercutiu de forma bastante negativa na cidade. O prefeito taubateano, na verdade, aproveitou-se de uma brecha na legislação municipal e encaixou sua galera, na maior. Esse é ninja!
Vale lembrar que Luciana Flores Peixoto, nomeada para a Secretaria de Desenvolvimento Social, é esposa do prefeito e, Anderson da Silva Ferreira, da pasta de Turismo e Cultura, é genro do homem.
Você não acham que ele é a lata do ?Gargamel? ?! Eu acho!

Veja os cargos e os secretários:
Desenvolvimento Social - Luciana Flores Peixoto
Educação ? Carlos Roberto Rodrigues
Esportes e Lazer - José Geraldo de Lima Faria
Governo e Relações Institucionais ? Adair Loredo Santos
Negócios Jurídicos ? Anthero Mendes Pereira Junior
Obras, Trânsito e Transportes ? Sebastião Melin Aburjeli
Planejamento ? Antonio Carlos Farias Pedrosa
Saúde ? Pedro Henrique Silveira
Segurança Pública ? Orlando Benedito de Lima
Turismo e Cultura ? Anderson da Silva Ferreira

Prefeituráveis de Tremembé
Em Tremembé,  segundo meu amigo Celso Correa, já começaram as articulações políticas visando a Prefeitura. Como todos sabem, o prefeito José Antonio não pode tentar a reeleição, e a assim, alguns pré-candidatos já confirmam interesse pela disputa da cadeira do Executivo. Entre os nomes cogitados nos bastidores estão os do ex-prefeito Lucio Varejão, da ex-vereadora Flavia Turci e do ex-vereador Metralha.
Há rumores também que o ex-deputado federal Ary Kara estaria  pensando em disputar o cargo de prefeito de Tremembé.
Resta agora descobrir como serão desenvolvidas as alianças e dobradinhas, e vale lembrar que, até o momento o prefeito José Antonio não se mostrou interessado dar seu  apoio a ninguém.

Chica Onça
Mudando de pato pra ganso, eu estou com saudade da ?Chica Onça?. Por onde andará essa felina, que causou uma série de estragos na política da vizinha Terra do Senhor Bom Jesus?

Carnaval profissional
Chegou a época de se falar em carnaval! E o assunto repercute porque envolve um grande número de pessoas, seja foliões, vendedores ambulantes, comércio, etc. Tem aqueles que não gostam do barulho e buscam o descanso em uma praia, mas a grande maioria quer carnaval.
Em Guaratinguetá, as seis escolas de samba do grupo 1 estarão de volta à Avenida Presidente Vargas. Lá, ao contrário daqui, existe seriedade de dirigentes de entidades e Poder Público, e o profissionalismo é incontestável.
Aliás, várias famílias de Pinda, que antes desfilavam pela USPP, PPUC, Pindense e outras antigas agremiações, são vistas nas alas da Embaixada do Morro, Tamandaré, Bonecos e Campo do Galvão, principalmente.

Fatos x Fofocas
Encontro sempre os leitores da coluna ?Poucas e Boas? que questionam:  ?Pô Ocimar! Você não vai falar nada dessa pouca vergonha que está ocorrendo na política da cidade??
Gente! Falar o que, se todos já sabem?! E não se esqueçam, o único espaço que comentou, citou os fatos e nomes, foi o nosso. Aqui não tem essa de poesia, de alisar gerente de banco, de falar do time de futebol dos empresários do centro...pode parar, mano!
Quem falou primeiro do Caso Verdurama em 2005? Nós; a saída do Sílvio Serrano? Nós; e dos secretários Tayoba e Antenor? Nós também! Quem é que aponta as incoerências de Executivo e Legislativo? Nós, é claro!
Agora, mentiras, especulações, coisas sem comprovação, isso a gente não vai publicar. Como é que eu posso afirmar que um sujeito será preso dentro de algumas horas, se o caso dele ainda está sendo investigado pelo Ministério Público?

Ameaças?
Falando nisso, soubemos que um secretário da administração municipal de Pindamonhangaba já solicitou segurança privada porque alega que vem sendo ameaçado constantemente.
Do jeito que as coisas estão, não sei se cai primeiro o prédio da Câmara Municipal que apresenta rachaduras ou se o Palácio de Cristal cai primeiro, devido à tantas supostas irregularidades administrativas.
Como dizem nas quebradas: "O bagúio é loko e o processo é lento!"

Apócrifos
Um panfleto, assinado por um indivíduo que se diz advogado (mas não é, segundo apuramos) está criando furor nas ruas de Pinda. Ele cita vários nomes do secretariado do prefeito João Ribeiro, algumas coisas que realmente acontecem, e outras que ainda não passaram pelo crivo da verdade.. Mas as supostas denúncias estão jogando m...no ventilador de uma ?renca? de pessoas.

Perreios de Vilela
Quem fala ?renca? é o prefeito Carlos Vilela, de Caçapava, que também está passando por alguns perreios administrativos. O novo túnel construído sob a Via Dutra para tentar diminuir o trânsito na Avenida Brasil já deu o que falar. Na primeira chuva forte que caiu, o túnel ficou alagado. Pera aí...quem planejou esse elefante branco?

Carnaval? Em Pinda?
Bem gente! Na segunda e terça-feira estarei recebendo dirigentes de escolas de samba de Pindamonhangaba, que dizem ter outras versões, caso a cidade não tenha carnaval de rua em 2011. A municipalidade alega que as entidades não prestaram contas da verba de 2010; os dirigentes dizem que é a prefeitura não quer gastar e pretende um ?Plano B?, ou seja, investir na vinda do Juca Teles, apenas, com a instalação rápida e barata de cordas ao longo da Avenida Nossa Senhora do Bom Sucesso.

Juca Teles
Mas vamos falar do bloco Juca Teles. Conhecemos o Benito, fundador do bloco, descansado em sua querida São Luiz do Paraitinga. Descansando nada...Benito é um guerreiro!
Contado por ele próprio, o nome se refere a um antigo morador da cidade, Benedito de Souza Pinto, o ?Juca?, um oficial de Justiça que morreu pobre e caiu no esquecimento.
O fundador do bloco resolveu então resgatar a memória daquele cidadão luizense  e deu ao bloco essa denominação.
Hoje, trata-se de uma entidade carnavalesca que arrasta o maior contingente atrás de sim. Em 2009, calcula-se que 10 mil pessoas acompanharam o bloco pelas ruas da cidade.

Carnaval & Política

 

Tudo o que começa errado, termina errado! Nos anos 80, dirigentes da escola de samba do CA Pindense desfilaram pelas ruas da cidade com um caixão, simbolizando o enterro do carnaval da cidade. O mesmo Pindense foi beneficiado em 2005, quando do carnaval dos 300 anos. Na época, estavam juntos o prefeito e o presidente da Câmara, Ricardo Piorino, ambos confessos torcedores da extinta escola do Tabaú.
Até mesmo a porta-bandeira Leontina, do Acadêmicos do Samba foi literalmente ?sequestrada? para um churrasco promovido em uma quebrada da cidade, e de lá, não conseguiu chegar em tempo para desfilar por sua escola. Tudo em nome do CAP campeão dos 300 anos!
Alguém quer tentar me desmentir? O espaço está aberto!

Cadê o patrimônio?

Hoje, nem o Pindense existe mais! E eu dou um doce para quem me disser quem vendeu os instrumentos e os chassis de carro da escola. Isso, galera, eu estou falando apenas de agremiações e cartas marcadas em competições. Vamos falar da estrutura montada na avenida, então?

Esquema no carnaval?
Existem uns papéis que estão nas mãos de certos empresários do setor artístico e que tratam da contratação da equipe que instala toda a estrutura de eventos de Pindamonhangaba, equipe que tem sua sede em Caçapava. Isso envolve valores de contrato e tudo o que se refere a equipamentos, fiação, microfones, tendas, arquibancadas, camarotes, caixas de som e o eskambau-a-quatro...
Meus caros, tem gente que aposta que esses dados tem um poder destruidor. Caramba! (kkk)

Lanche da hora!
Há dias, o governador Geraldo Alckmin foi internado com suspeita de intoxicação alimentar. O boato maldoso que correu pela cidade é que Alckmin teria passado na sexta-feira no carrinho de lanches do folclórico Gugu Mello, que fica na esquina da Praça do Quartel, em Pinda, onde saboreou um lanche.
Ontem, nosso diretor Marcelo Ratto, sempre desconfiado, foi conferir o que houve por lá e descobriu que o lanche do Gugu é mesmo diferenciado, mas é bom até umas horas.  Portanto, é lorota o que falam por aí. Gugu sabe fazer um lanche da hora e o carrino vem atraindo empresários, advogados, gente de fino gosto.
Alem disso, Gugu é o cara que sabe tudo o que ocorre em Pinda e assim, seus frequentadores ficam informados de tudo o que rola!

* Fonte: Jornal Folha de São Paulo e Revista Consultor Jurídico (21abril/2009)

Contato: ocimar@pindavale.com.br
 

anuncio