E como fica a situação de Vito Ardito?


Sempre que possível, converse com um saco de cimento. Nessa vida só devemos acreditar naquilo que um dia pode ser concreto.

Deixei de lado um pouco os meus dias de férias para escrever mais uma coluninha para meus inúmeros leitores!



Hilário Político
Está no ar o Horário Eleitoral Gratuito, e os candidatos vêm se esmerando para tentar passar aquela boa imagem que faça o eleitor sair do cochilo após as refeições. É um festival com direito a colocar máscaras de galináceos, fazer trejeitos, sorrisos mecânicos, candidatos entrevistadores, heróis de quadrinhos, crianças beijadas na periferia... pobres crianças pobres.
Tem o candidato tipo 'mosca de padaria', que é aquele que vive sobrevoando os doces mas só leva tapa! Tem também o candidato 'coca-cola', que é só você sacudir e ele perde o gás todo. E por aí vai!
Mas é a única chance que os simples moradores de bairros afastados terão para conhecer as 'autoridades' da área central. É como se diz na Bahia, "Se você for se exercitar com uma simples corridinha em Salvador, vão perguntar se você é o The Flash!'

Pesquisa SJC
A mais recente pesquisa de intenção de votos em São José dos Campos, divulgada nesta quarta-feira (5) aponta Carlinhos de Almeida (PT) com 50% da intenção de votos, seguido de Alexandre Blanco (PSDB) com 24%. Na terceira posição está Cristiano Pinto Ferreira (PV) com 4%. Ernesto Gradella (PSTU) e Antonio Alwan (PSB) têm 1%. Os outros dois candidatos, Fabrício Correa (PSDC) e Gilberto Silvério (PSOL) não atingem 1%, cada um.

Dança da Pizza
Importante lembrar que o PT é forte nas cidades de Jacareí e em São José dos Campos, onde já elegeu Ângela Guadagnin, aquela mesma, da 'dancinha'. Ela foi prefeita da terra natal de Cassiano Ricardo no período de 1993 a 1996, e praticamente jogou sua história política na lata de lixo quando, em 23 de março de 2006, rebolou no plenário da Câmara, de forma quase ingênua, naquilo que ficou conhecido com a 'dança da pizza'. Ela, na época deputada federal,  comemorava a absolvição de João Magno, um dos acusados de receber o 'mensalão'.

Pesquisa Taubaté
Em Taubaté, segundo o Ibope, o candidato tucano Ortiz Junior subiu 11 pontos percentuais em relação ao levantamento anterior e agora tem 44% das intenções. Em sentido inverso, o candidato Padre Afonso (PV) está em queda livre, e caiu 15 pontos. Padre Afonso tinha 26% e agora tem 11%. A segunda colocação configura-se como um triplo empate técnico em Taubaté, pois Mário Ortiz (PSD) tem 14% e Isaac do Carmo (PT) conta com 10%.

Andarilhos I
Um problema sério na sociedade é a situação de andarilhos nas grandes cidades, a maioria deles dependentes químicos. Mas em Pindamonhangaba é coisa de arrepiar e eu sempre critiquei e ainda critico com veemência a falta de atuação do setor de Promoção Social no município. Foram 16 anos de PSDB e mais oito de PPS e a Praça Monsenhor Marcondes continua nojenta! É isso mesmo: n-o-j-e-n-t-a.
Fedor de urina, gente dormindo nos canteiros das praças, uma total falta de empenho de governantes que ficam desfilando um rosário de lorotas sobre qualidade de vida e sustentabilidade. Um visitante que veja os logradouros públicos tomados pelos moradores de rua e suas garrafas de cachaça dirão que a tal qualidade de vida está passando ao longe, pela Via Dutra a procura de outra cidade.

Andarilhos II
E como sempre acontece, virão os porta-vozes, os arautos do reino, e dirão que o município não pode ferir o direito de ir e vir do cidadão! Pode sim: vadiagem ainda é crime! O Projeto de Lei 4668/04, que retira o Crime de Vadiagem da Lei de Contravenções Penais (Decreto-Lei 3.688/41) ainda não foi sancionado. A cidade virou o que? Uma chatuba?
A cidade não tem políticas públicas voltada para essa questão, a não ser o trabalho abnegado da Coalizão e dos grupos Amor-Exigente. Eu digo que as filas no SOS e da Casa Fabiano de Cristo são enormes e as duas entidades também mereciam uma Festa Pinda + Solidária com os shows musicais que realizaram no aniversário da cidade.
Enquanto isso vai se enrolando, jogando os moradores de rua, expulsando-os das praças centrais para os bairros periféricos. Agora eles estão criando 'ninho' na Praça do Ouro Verde!
Por que ninguém vai lá e dá um santinho de candidato pra eles? É, maluco! Piração total nas paradas! Se liga!

Gal Ocimar Barbosa!
Que eu considero carinhosamente o Alto-Comandante e chefe supremo do Estado Maior Adjunto das Forças Armadas do Poucas e Boas. Aqui é o amigo Sergio. Eu sempre leio os seus tópicos de fundo político e que mister que se saiba, são os mais assertivos no que tange ao nosso turbilhão político pindamonhangabense e quiça da região.
Mr. Ocimar Barbosa, é deveras muito grato a minha pessoa, estar redigindo esta missiva eletrônica, deixando-nos velejar pelas benésses que a internet nos propõe aos dias atuais. Não estou correto?
Mr. Ocimar, vejo com aguçada atenção que estais dedicado aos meandros da política de nossa querida village e é profícuo saber de vossa beneficência opinativa, que me sinto laureado pelos préstimos que é sua coluna, meu caro.
Saibas que estava eu cá a pensar com meus botões e me veio esta pseudo-profecia: O velho cacique tenta se ressuscitar com o apoio do médico.
O jovem embalado pelas mãos da mulher é birrento e trava um duelo entre o novo e o velho. A renovação pode despertar como um novo nascer do Sol.O símbolo solar faz parte do símbolo, não há de haver enigmas 
Entre os 11 cavaleiros, 6 podem cair ao chão, 5 agarrados ao cavalo lutarão, novos guerreiros virão.

Se não se concretizar, fica um palpite curioso. 
Abraços cordialíssimos Gal Ocimar .

Do Sérgio

Fui promovido!
De um mero soldado de trincheira barrenta fui elevado subitamente a General, e passando por todas as patentes intermediárias... (hehe). Brincadeiras à parte e profundamente grato a elogios que só nos servem de alavancas espirituais e psicológicas, lembro-me do comentário de um dos mais profundos conhecedores de política em Pindamonhangaba: o jornalista e ex-vereador José Raul Machado Ribas.
Ele sempre diz, no alto de sua experiência, que a política é cíclica assim como a vida! Todos têm o seu momento e deve aproveitá-lo, porque as novas gerações devem engoir as antigas e as velhas raposas só estão ainda no poder porque a juventude está alienada. Tudo caminha por uma espiral, e enquanto uns estão em ascensão, outros estão em queda. Ou seja, é uma lei da vida!

Cordiais saudações, Sérgio!

E a situação de Vito Ardito?
Não tem ninguém na cidade que não pergunte sobre isso. Eu acabo de crer que Vito Ardito pode estar tentando dar uma cartada final na sua história política, mas não sei se ele tem os naipes que precisa! No entanto, esse é seu perfil político. A política pra ele é um jogo, mesmo porque ele não precisa disso, é um milionário e todos estão cansados de saber.
Com esse quadro, as pessoas perguntam, querem saber, não entendem como tudo vai ocorrer durante as eleições.
É provável que aconteça o seguinte amigos, como já ocorreu em outras localidades: Vitão não vai, como se diz na gíria, 'largar o osso'. Seus advogados já pediram vistas ao processo no TRE, por isso está havendo essa demora na sentença sobre sua inelegibilidade em 2012.
Vito Ardito é advogado e calcula que pode perder em segunda instância, ou seja, no TRE, assim, já teria se preparado para recorrer no TSE. Quando faltar poucos dias do pleito, ele poderá renunciar (eu digo, poderá) e colocar outro em seu lugar. Mas então, não haverá tempo para trocar sua imagem nas urnas e o povo que colocar 45 verá a foto do cacique.

Show no Horário Político
No horário político, enquanto a jornalista e vocalista Rafaela Faria dá um show na apresentação dos projetos do PMDB (Coligação Pinda Pra Frente), Paulo Torino parece não se interessar em decorar os textos e está lendo a tela. 
Ficou robótico, camarada, parecendo os equipamentos que os alunos usam no Senai. (hehehe)

Renovação onde?
Não vejo nenhum quadro de renovação em Pinda! Vão me dizer que Vito Ardito é renovação? Piada, 'né' não? Aí os 'vitistas' acusam que Torino tem Myriam Alckmin como vice na chapa, e ela seria a continuidade da gestão de João Ribeiro! 
Pois bem! E Carlinhos Casé? É renovação? Não é não!  Ele é subprefeito de Moreira César licenciado para as eleições! É funcionário da prefeitura, assim como João Ribeiro era dentista na gestão de Vito.
E Gugu Melo? Mesmíssima coisa! É também patrocinado pela atual gestão, sim senhor, e ele não me negou isso na redação do AgoraVale. E vocês sabem que eu vou pra cima!
A equipe de Gugu é a mesma que coordena a campanha de Vito, tem a mesma estrutura jurídica e o mesmo mentor político, o secretário de Governo e Integração engenheiro Arthur Ferreira dos Santos, acompanhado do irmão Paulo Ramos Melo, Ouvidor da Prefeitura.
Portanto, meus irmãos, orem muito, porque todos nesse meio são vidraça e ninguém vai conseguir ser a pedra. Melhor mesmo é ficar no campo das propostas.

Caro Ocimar!
Gostei muito da coluna anterior, mas só entendo que você cometeu uma pequena injustiça com o Prefeito João Ribeiro e te explico:
1- Durante vários mandatos, os Prefeitos de Pinda tentaram e não conseguiram a cessão de uma, pequena, parte da enorme área pertencente ao Estado a do Haras. Desde o início do mandato o JR protocolou junto ao Estado a cessão de 02 áreas para o Parque da Cidade e Parque da Juventude. Conseguiu.
2- Desde a vinda da Villares (atual Gerdau) / Confab / Alcan (atual Novelis) que nossa cidade não recebia um investimento de vulto. João Ribeiro conseguiu trazer a GV Siderúrgica que é o maior investimento em Pinda desde a vinda das indústrias acima citadas.
3- Disputando com várias Cidades e Estados, João Ribeiro conseguiu trazer para Pinda os investimentos de expansão da Novelis e da Gerdau que foram muito comemorados pela alta Direção das duas empresa na Cidade e pela Prefeitura administração também. Quando você diz que: "Mas só pode investir nesses setores quem tem receita!", tais expansões irão gerar muita...mas muita receita.

Abraços
Álvaro

Respondendo!
Ok, Álvaro! Está registrado! Aproveito também para citar uma situação delicada nessas eleições, onde o candidato tem que estar atento e falar apenas de propostas (isso é o correto) do que criticar seu antecessor. De acordo com pesquisas de monitoramento, a gestão João Ribeiro tem 34% de aprovação, ou seja, criticá-lo em campanha pode espantar os votos de cerca de 35 mil eleitores.

994 votos!
Só pra encerrar, na coluna passada falei que, no caso do PSDB de Pindamonhangaba conseguir retomar a cadeira de Isael Domingues, a vaga seria da Delegada Maria Elisabete Bassi. Foi um lapso de nossa parte e eu faço aqui essa retratação pública.
Quem ocuparia essa vaga na Câmara Municipal seria Professor Joaquim, que teve 994 votos nas Eleições 2008. Ele, no entanto, não é candidato nessas eleições porque está altamente empenhado na sua vida profissional.

Poucas e Boas terá programa de rádio
Não sai daí não que eu volto logo. Em breve, Programa Poucas e Boas na 104.9 FM, em Pindamonhangaba. O convite chegou e eu vou aceitar


Contato: ocimar@agoravale.com.br



728x90