Sem esse papo de "social"; o negócio é austeridade e chega!


"Noventa por cento dos políticos dão aos 10% restantes uma péssima reputação."

77 na mira!
No Vale do Paraíba a Justiça Eleitoral já anunciou que 77 candidatos terão seus votos retidos nas urnas. São sete candidatos a prefeito e 70 vereadores.
Dentre os candidatos a prefeito na mira da Justiça Eleitoral, um é Odair Leal, o Peixinho, de Santa Branca e o outro é João Benedito Angelieri (PSB), o João Cascão, candidato em Potim.

Brasileiro não desiste
Em Pinda tem um cidadão que é candidato desde que eu era garotinho do primário (faz tempo). Esse senhor, homem simples, de boa família, ao longo de muitos pleitos nunca foi muito longe em sua votação, mas ele gosta de estar lá, vendo seu nome, sua foto, como representante do bairro Parque das Nações.
Não vou citar o nome porque estaria dando mídia gratuita, mas ele foi aquele que no comício do bairro Ouro Verde, saudou a população assim: "Boa noite, gente! É muito bom estar aqui no Parque São Domingos!?"
Claro que houve troca de olhares, sorrisos e anedotas. Assim fica difícil, campeão!

Isael preocupado
Após o debate dos vices, realizado há duas semanas na Câmara Municipal, o candidato a vice na chapa de Vito Ardito, Isael Domingues, me perguntou porque eu "pego pesado" com ele. Eu até estranhei, porque nunca chamei ninguém de desonesto, ou mau caráter, essas coisas que criam atritos desnecessários às partes envolvidas. Existem acertos políticos, isso a gente sabe!
Caro amigo Isael, permita-me chamá-lo assim! Pra mim, o assunto que você ventilou já está superado, do contrário, seria infantilidade! Tivemos erros e acertos nestes anos.
A coluna faz brincadeiras, mas não tem o propósito de disseminar papos de coisas macabras, de seitas, de confrarias, etc. Atente pra isso: eu nunca disse que você e os outros caras pertenciam a grupo sinistro e quem viu dessa forma é porque tem mania de perseguição e acaba dando luz a conceitos medievais.
O que eu sempre citei dessa coisa que parecia uma irmandade é que vocês foram fotografados com anéis de caveira, uma paródia do BOPE.  Veja a origem dessa história, em 2010!
Se foram mal entendidos, não foi pelo meu texto. E a gente sabe: Por aí, tem político e personagens tão supersticioso que usa quatro ferraduras para dar sorte.

Foi uma estratégia?
Achei que você, Isael, fosse mesmo é reclamar de quando eu escrevi sobre sua aliança com o PSDB, partido de onde você praticamente saiu em fuga desabalada, como você até me disse uma vez na rua, "um partido de idéias ultrapassadas e com pouco espaço pra seu crescimento político."
Aliás, ainda acho que Vitão preferiu ter você por perto, bem menos perigoso que longe, e assim, não correr o risco de vê-lo roubar do bolo uma fatia maior que a dele. É como diz o ditado: Um olho no peixe e outro no gato.

Eu e os políticos!
Admito, sou chato de galocha mesmo, principalmente quando o assunto é política. Talvez, eu enxergue esse exercício de cidadania de forma diferente da grande maioria de eleitores! Eu não troco nada com ninguém por votos. Quantas vezes já peguei no pé do prefeito João Ribeiro? E um dia desses o encontrei nas ruas e a gente conversou amigavelmente. São visões diferentes da prática política, só isso.
Também reconheço que já "azucrinei" a vida de Paulo Torino e até passei dos limites uma época, quando o rapaz vivia um drama familiar de saúde, e eu não sabia.
Um falecido colunista já tentou me colocar contra João Bosco Nogueira, prefeito que pra mim foi o melhor na história moderna do município, quando fez a revolução industrial (1973-1976).
Respeito o candidato Vito Ardito talvez mais do que seus próprios correligionários e Vito sabe disso! Porque eu falo o que penso, não tenho interesses pessoais, e não fico passando vaselina. Se ele acompanha o que citava Santo Agostinho, entende bem o que significa: "Prefiro aos que me criticam porque me corrigem do que os que me adulam porque me corrompem!"
Quem gosta de sinceridade e cabeça erguida, é só me acompanhar!

Chegando hora
Dois dias apenas é o que falta para as Eleições 2012 e esse é o momento crucial para os candidatos. A grande massa de indecisos ou desinteressados começa a definir sua intenção de votos. Segundo informações que nos chegam, ainda existe em Pinda uma parcela de 12% de eleitores indecisos. Pra onde eles cairão?
Os diversos debates nas cidades da região, vários deles transmitidos pela TV já deram uma idéia de como estão os ânimos.

Musiquinhas de campanha
Não há quem aguente! Cada musiquinha 'mala sem alça' que roda por aí, é plágio pra todos os lados. Se um dia o Sindicato dos Músicos resolver pegar pesado, essas paródias ainda vão ganhar um 'chega pra lá'.
E tem hora que eu reclamo do caminhão de gás... Isso é café pequeno!

Leva no 1º turno?
Em São José dos Campos, o PT acredita que Carlinhos de Almeida leva no 1º turno, sendo que a última pesquisa apontava ampla vantagem sobre o candidato do PSDB, Alexandre Blanco. No entanto, os tucanos joseeenses não pretendem jogar a toalha e já preparam um grande contingente de militantes para fazer a virada. A animação do PSDB de São José e grande, porque a última pesquisa Ibope realizada na cidade e divulgada na quinta-feira (4) mostrou uma queda de Carlinhos de Almeida, de 58% para 52% na intenção de votos, enquanto Blanco subiu, passando de 27% para 31%.
É esperar pra ver.

O efeito FDE
Em Taubaté, Ortiz Junior que tem até o momento a liderança incontestável na intenção de votos rumo ao Palácio Bom Conselho, agora está sendo bombardeado por uma série de denúncias. Sua campanha vem sendo ofuscada por suposto envolvimento do candidato e seu pai, o ex-prefeito Bernardo Ortiz em supostas irregularidades no FDE (Fundo de Desenvolvimento da Educação). A Justiça emitiu uma liminar, afastando Bernardo pai da FDE e bloqueando seus bens e também do filho candidato.

Verba de campanha?
O que rola em Taubaté é que o Ministério Público só está esperando o envio de documentos que comprovem as denúncias. Ortiz, o pai, teria se envolvido em um superfaturamento na compra de mochilas escolares com preço inicial de R$ 3,5 milhões mas os indícios é de que o valor pago foi de R$ 34,9 milhões. Isso ainda está sendo apurado.
Os promotores acusam Ortiz, o filho, de ter sido beneficiado com R$ 1.746.009,90 (5% sobre o valor de R$ 34.920.198,00 recebido pelo fornecimento das mochilas escolares à FDE, recursos esses que teriam sido usados como verba de campanha.

Um cara bacana
Há um áudio circulando pela Internet, identificado como uma possível escuta telefônica entre o coordenador da campanha do candidato Ortiz Junior, Edson Chacrinha e o lobista da FDE, Djalma Santos, aquele mesmo do esquema Verdurama e SP-Alimentação que envolveu mais de 20 cidades no estado.
No áudio, ambos trocam elogios, citam outros nomes, e ao que parece, um pede para o outro apertar o 'pause'. Confira você mesmo e tire suas próprias conclusões.
Vamos ver até onde esse assunto pode render e se vai brecar a eleição, até então, quase ganha pelo candidato do PSDB.
Pelos lados do PT de Taubaté, Isaac do Carmo, segundo colocado na pesquisa, é quem mais espera por essa derrocada.

Ortiz x Ortiz
Jogando no ataque, o candidato Mário Ortiz ataca seu primo Ortiz Junior, insinuando que o atual líder na pesquisa tem como marketeiro Duda Mendonça, talvez o profissional mais caro desse setor, alguém que simplesmente foi o responsável pela campanha vitoriosa de Luiz Inácio Lula da Silva.
Ortiz Junior nega firmemente e alega que não tem recursos para isso.

Nota de Esclarecimento:
"Venho a público manifestar toda a minha tristeza e indignação pelas acusações que venho sofrendo. Reafirmo, mais uma vez, que todas estas acusações são falsas e têm motivação meramente política. Acusações realizadas com um único objetivo: prejudicar a minha candidatura nas vésperas das eleições, quando estou em primeiro lugar nas pesquisas.
A prova disso é que estas acusações foram realizadas pela bancada do PT no começo do ano eleitoral e usadas, até a exaustão, durante toda a campanha.
Infelizmente, essa ainda é uma prática comum em grande parte da política brasileira: tentar obter vantagem política pessoal manchando a reputação de pessoas de bem, nesse caso, a de meu pai e a minha própria.
Como advogado, compreendo que a Justiça tem obrigação de investigar qualquer denúncia. E tenho convicção que essa será uma oportunidade para demostrar a minha total inocência. Tenham certeza, a eleição vai passar e todas essas acusações vão se mostrar como o que verdadeiramente são: mera estratégia política sem fundamento algum. Muito obrigado
."

Taubaté, 03 de outubro de 2012
Ortiz Júnior (PSDB)

Cadê os investimentos?
Guaratinguetá começou a receber multinacionais japonesas. Jacareí vai se transformar com duas gigantes indústrias chinesas, sendo uma delas automobilística! Lorena vai ganhar seu shopping center e uma fábrica de ônibus! São José dos Campos e Taubaté nunca deixam de receber empreendimentos de porte!
Enquanto isso, Pindamonhangaba perdeu várias grandes fábricas ao longo dos últimos 20 anos e a receita vai cair, até que novas empresas iniciem atividades e gerem impostos.
Anotem o que fechou por aqui: Fruehalf, Coca-Cola, Sered, Alcoa, Indústria de Papel Pinda, Metalco, Lanifício Skaf, Denso, Pecval, Dongwoo, Faurecia... e agora, a Nobrecel.
Terreno para a expansão industrial tem de sobra. Então, com todo o respeito aos prefeitos que passaram por esse período todo de duas décadas à frente do Executivo, estão perdendo longe para João Bosco Nogueira.
Se liga, gente!

Eleições em Pinda
Como não poderia deixar de ser, em Pinda, a cidade barril de pólvora do Vale está com o pavio só esperando o fogo certo para rastejar no domingo. Eu deixei pra postar essa coluna agora no final pra não entrar nesse clima de especulação. Tem rádio e pasquim de última hora divulgando pesquisas suspeitas por aí, mas a população é soberana em sua intenção de votos.

Na banheira do Gugu
Guguzinho, meu dileto amigo, menino maluquinho! Barbaridade, guri! Que palavras ternas e carregadas de emoção foram aquelas para o candidato do PSDB durante o debate da TV Vanguarda? (hehe) Desse jeito você só confirma o que a boataria anda espanando e acaba confirmando que a ausência de ambos no debate da Difusora foi organizada em conjunto.
Então, a coordenação de campanha de um é a mesma do outro? Coisa de louco, tchê!

Sem esse papo de 'social'
Todos sabem que o candidato do PSDB dirigiu a cidade por 16 anos, 12 anos como prefeito e mais quatro anos (1992-1996) como 'mentor' de Francisco de Assis Vieira Chesco na Secretaria de Obras. Foram muitos acertos sim, muitas obras boas, mas também muito erros, porque a máquina enferruja.
Era uma preocupação única com o 'social' e nada para os demais setores. Eu penso o seguinte: dar condições de moradia para o povo não é só entregar o teto a valores acessíveis! Tem que dar condição humana, estrutura para que os dali sobrevivam com seu trabalho, com sua dignidade, com seu caráter. Do contrário, isso chama-se assistencialismo! E o voto torna-se obrigação! Ainda acho que a fila anda!

O primeiro ninguém esquece
Assim é com qualquer outra administração, que dá um verdadeiro show no primeiro mandato, com alta velocidade, suor, energia, gemidos de paixão, e depois... ahhh... o clímax do prazer...
É o segundo mandato que preocupa a população. Quem vem para o primeiro, vem com "sangue no zóio".

Debate
Pela segunda vez, os candidatos Vito Ardito (PSDB) e Gugu Mello (PSDC) não compareceram ao debate promovido pela Rádio Difusora. Pra muitos, ficou parecendo que os caras não acreditam na força de uma emissora que tem 60 anos de tradição no município, e assim, privilegiaram apenas o debate da televisão.
Bom, cada um sabe onde o calo aperta, e com isso, Casé e Torino aproveitaram.
Em determinado momento, Casé perguntou ao Torino sobre sustentabilidade e destino do lixo. O candidato do PMDB aproveitou a bola quicando e "encheu o pé", lembrando o período em que Vitão tentou aprovar a instalação de uma aterro que receberia lixo tóxico no Araretama.

É o de Tremembé?
Um amigo de Taubaté me disse que esse aterro que está hoje em Tremembé, recebendo lixo químico de Taubaté, Caraguá, Ubatuba e outros é aquele mesmo que viria pra Pinda. Foi aprovado, segundo ele, na administração de Lúcio Varejão, também do PSDB.


Idealismo

O idealismo não está no partido! Ninguém vota no partido e sim no candidato, então, essa conversa de fidelidade partidária é descartável. Quem é Ortiz, é Ortiz!... Quem é Torino, é Torino!... Quem é Vito, é Vito!... Quem é Lula, é Lula!

A população, por sua vez, deve colaborar, ficar atenta, deixar de ser servil e corruptível. Deve cobrar, não nas filas do assistencialismo, mas organizada em bairros, fazer com que seu prefeito visite a região. Qual a última vez que um prefeito esteve no seu bairro, sem ser pra pedir votos?

Que Deus ilumine o eleitor para que a escolha seja a melhor. E que a vontade das urnas seja respeitada, sem discussões tolas, sem passeatas de revolta, sem desconfianças.


Contato: ocimar@agoravale.com.br

anuncio