Desorganização e descaso com imprensa marcam terceiro dia do Vale Music Fest em São José dos Campos

Apenas dois veículos de comunicação foram privilegiados para a cobertura do show de Zé Neto e Cristiano, apesar de todos os profissionais estarem credenciados


Zé Neto e Cristiano

A noite nublada desta sexta-feira (20) e o mau humor do assessor de imprensa que teria teoricamente que atender os veículos de comunicação devidamente cadastrados para a cobertura do show da dupla Zé Neto e Cristiano, foram os ingredientes certos para um show de horror para quem achou que poderia trabalhar.  Isso porque o assessor que ficou responsável pelo camarim só atendeu e se preocupava com duas emissoras de televisão.  O resto dos veículos "não existia". 

O show da dupla Zé Neto e Cristiano estava marcado para começar às 3h da madrugada. A informação que a imprensa recebeu foi de que os jornalistas estivessem na sala de imprensa (que, diga-se de passagem, nem água tinha, muito menos estrutura de uma sala de imprensa decente) entre 01h30 e 02h para o atendimento.  "Eles (Assessoria do Vale Music Fest) nos passaram a informação que o atendimento seria 2h. Por fim, nem atendimento muito menos uma satisfação para nós que ficamos mais de uma hora esperando. Foi um descaso!", disse um fotógrafo, indignado. Enquanto isso, o assessor de imprensa dava total assessoramento para as duas televisões privilegiadas até o fim. "O que seria para zelar pela imagem do evento, com essa atitude, ao contrário de ajudar, a assessoria só atrapalhou", disse outro fotógrafo que presenciou a cena.

Show

Zé Neto e Cristiano começaram o show por volta das 3h com os aplausos do público e o carisma de sempre. No repertório, músicas de sucesso como a clássica "Largado às Traças", entre outras. A animação tomou conta dos camarotes vips com gente bonita e badalada.

 

anuncio