Taubaté


As autoridades de Taubaté mantém fechada a entrada do Cristo Redentor desde 2013. O principal cartão postal da cidade estava sendo ocupado por usuários de drogas e desde então não mais recebe visitantes porque está trancado com cadeado.
Para a comunidade religiosa sobra lamentos; para o setor de turismo, uma opção a menos. Caso ainda estivesse vivo, o Comendador Theodoro Correa Cintra estaria profundamente amargurado com isso.

 

Quer dizer, ainda não está bom de tudo, mas a população começa a se acostumar com o trânsito de Taubaté. As alterações feitas na gestão passada do atual prefeito causaram celeumas de todos os tipos, mas se mostravam necessárias na cidade.
Com a verticalização constante na região central, dá pra imaginar quantas famílias passaram a viver em inúmeros edifícios e quantos carros a mais agora circulam pelas velhas e estreitas ruas taubateanas? É pico! 

anuncio