Pindamonhangaba


Um bom número de pessoas que passou ultimamente pelo Pronto Socorro Municipal de Pindamonhangaba afirma que houve realmente sensível melhora, desde a triagem, agilidade no primeiro atendimento com primeiros diagnósticos até a medicação e liberação, além da atenção de enfermeiros e médicos. Os usuários do PS aprovam a nova administração, elogiam o acolhimento da equipe e concordam que o tratamento agora é mais humano.
Vale a pena, porém, destacar que ainda há muito a ser melhorado, principalmente quanto à falta de espaço físico para atender a demanda, ainda não distribuída nos postos de bairros. A estrutura do PS foi pensada nos anos 90, quando a cidade tinha metade da população atual e desde então, qualquer tipo de adequação ou projetos de ampliação e modernização sequer saíram do papel. 


Profissionais de outras cidades compõem a equipe de governo do prefeito Isael Domingues, algo que vem gerando debates na cidade, principalmente por estarem vinculados à personalidades do meio político. Vamos falar então de uma pasta que é fundamental: Secretária Municipal de Infraestrutura e Planejamento, aquela que trabalha diretamente com o desenvolvimento urbano.
Na semana foi exonerado o secretário da pasta para dar lugar à outra profissional. Ambos são ligados à Taubaté. Deixo claro aqui que não há questionamento sobre a capacidade profissional de quem saiu e quem entrou. Mas é primordial que o titular conheça a vocação sócio-econômica da cidade para determinar as diretrizes corretas de crescimento para o futuro. Temos ocorrências lá atrás que reforçam essa preocupação.